Regras específicas para segurança da cama compartilhada

Regras específicas para segurança da cama compartilhada
  • Amamente o seu bebê! Mães que amamentam permanecem mais tempo em estágios leves de sono, fazendo com que elas estejam mais alertas aos bebês.. Ponha o bebê próximo à mãe, ao invés de deixá-lo entre o pai e a mãe;
  • Use grades ou protetores de cama quando colocar o bebê na cama da família. Preencha qualquer espaço entre a cama e as paredes, cabeceira e móveis com uma manta ou toalha enrolada.
  • Se você colocar o colchão no chão, longe das paredes, você também evita o risco de quedas, além do risco do bebê cair em algum espaços pequenos. Seja consciente sobre o arranjo de sono. Coloque o bebê próximo à mãe, em um ambiente planejado e seguro, ao invés de cair no sono por exaustão no sofá, cadeira, poltrona, ou qualquer outro lugar inseguro.
  • Apenas cuidadores primários devem dormir com um bebê, pois apenas eles poderão dormir em um estado leve de alerta, atentos aos movimentos e à presença do bebê. Não deixe que babás ou irmãos mais velhos durmam próximo ao bebê, pois eles também não estarão alertas aos movimentos e à presença do bebê.
  • Se HÁ FILHOS MAIS VELHOS A cama da família não deve incluir um irmão mais velho próximo ao bebê, que não estará tão atento ao bebê na cama. Ou seja, se você tiver um filho que ainda durma na sua cama, deixe-o dormir entre o pai e a mãe, enquanto o bebê dorme entre a mãe e a parede.

QUANDO VOCÊ NÃO DEVE FAZER CAMA COMPARTILHADA

  • Se VOCÊ USA ÁLCOOL OU DROGAS, essas substâncias interferem no seu nível de consciência e vão interferir na sua habilidade de estar atento ao seu bebê
  • Se está em uso de medicamentos para dormir ou que alterem seu estado de sono.
  • Se VOCÊ FUMA. Existe um risco aumentado de SMSI (Síndrome da Morte Súbita Infantil) associado ao tabagismo e cama compartilhada. Pare de fumar, por você e pelo seu bebê!
  • Se VOCÊ É EXTREMAMENTE OBESO Também existe um risco aumentado de SMSI, que foi associado à obesidade parental e a prática de cama compartilhada.
  • Se SEU BEBÊ É PREMATURO, TEM BAIXO PESO DE NASCIMENTO, OU está com UMA FEBRE ALTA.
Share

Karla Mendonça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *