Pedro

Pedro

Pedro dormia super bem até o 1º mês de vida, do 2º mês em diante minha vida virou de pernas pro ar, ele não dormia nada nem de dia e muito menos a noite. Chorava demais e só ia dormir lá pras 23:30/00h após MUITO MUITO choro.
Isso durou até quase os 3 meses quando vi o curso da Bebê Dorminhoco e comprei na mesma hora. Era a luz no fim do túnel que eu precisava!
Enquanto ele mamava eu assistia às aulas.
⠀👉Fui colocando em prática aos poucos, sozinha e sendo chamada de “a louca da soneca e do ritual”, que só pensava em fazer o menino dormir, neurótica por sono…🙄⠀Eu não ligava para o que as pessoas falavam, afinal quem passava a madrugada e o dia exausta sem dormir era eu e meu bebê.
E eu também pensava em como seria a minha vida de caos quando eu voltasse a trabalhar.
⠀Apoio pra ensinar a dormir?Ninguém te apoia.
O que é isso?! O que ele come?! Onde ele vive?!🤣🤣⠀Segui sozinha e focada, assistindo cada aula e colocando em prática. 👉 Depois de mais de um mês assistindo e me empenhando na aplicação, aos 4 meses de vida, ele começou a dormir mais horas seguidas à noite, começou com 5h direto, 6h, 8hs….😱⠀Fiquei radiante, ficava pensando se realmente aquilo estava acontecendo comigo. ⠀
Parecia um sonho🤩⠀👉Aos 6 meses voltei ao meu trabalho (sou enfermeira sargento) e o Pedro começou a ficar com a avó. Tudo isso interferiu no sono noturno e mais uma vez a @bebedorminhoco me deu a solução. Fiz o curso de 6-23 meses e lá encontrei as informações e a força que eu precisava💙⠀👉Com 7 meses Pedro voltou a dormir a noite toda. ⠀orme as 19:30 e acorda às 6:30hs e Faz duas sonecas, em torno de 1:10 a 1:30 cada.⠀oje ele está com 11 meses🥰
Um bebê feliz, saudável, sorridente, esperto.. e uma mamãe disposta e feliz também!! 💙⠀👉Hoje, o papai agradece por eu ter sido a louca da soneca! 🤣🤣
Se temos dias atípicos (salto, dente)?Temos sim! 🤷🏻‍♀️⠀⠀Mas dias difíceis passam, o que ficam são os hábitos que propiciam um sono de qualidade.⠀⠀Karlinha obrigada por todo suporte no curso, e que vc continue sendo usada por Deus pra ajudar tantas famílias!

Share

Avatar
Karla Mendonça

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *